15h02

Jadelson Andrade é empossado na Academia de Medicina da Bahia

Compartilhe
Tamanho da Fonte

O médico e cardiologista Dr. Jadelson Pinheiro de Andrade é o  novo membro da Academia de Medicina da Bahia. O professor e doutor Jadelson é também superintendente e diretor de cardiologia do Hospital da Bahia (HBA). Ele tomou posse no dia 22 de outubro como Acadêmico Titular da cadeira de número um. A sessão solene foi realizada às 19h, no Palácio da Reitoria da Universidade Federal da Bahia. O presidente da Associação Bahiana de Medicina, Dr.Robson Moura, participou do evento.
 

Segundo Dr. Jadelson Andrade, ser um membro da academia, além de trazer muito orgulho e felicidade, significa fazer parte da sua história. “É muito honroso ter a possibilidade de ser eleito como acadêmico titular da Academia de Medicina da Bahia. Para chegar a tanto, os confrades e confreiras analisaram o meu currículo, a minha história e encontraram nela requisitos para concluírem que tenho condição de assumir a cadeira número 1 da academia”, afirma.
 

No evento, que lotou o auditório, também estiveram presentes o representante do governador do Estado, o secretário de saúde, Dr. Fabio Vilas-Boas (que também é membro da Academia de Medicina) e Dr. Jecé Brandão, confrade da academia e representante do Conselho Federal de Medicina.
 

O Presidente da Academia de Medicina da Bahia, Dr. Antônio Carlos Vieira Lopes, não poupou elogios desde à solenidade, que contou com a apresentação do Quarteto da UFBA, até a recepção no Wish Hotel da Bahia. “Foi uma festa muito bonita no Palácio da Reitoria da UFBA, que incluiu a entrada de Jadelson Andrade ao som do hino ao Senhor do Bonfim interpretado pelo quarteto da UFBA”, ressalta.
 

Eleito com maioria absoluta de votos, Dr. Jadelson Andrade foi saudado na solenidade de posse pelo confrade, o Prof. Dr. Roberto José da Silva Badaró. Durante a cerimônia, o médico fez uma oração ao patrono da cadeira que passa a ocupar, Prof. Alberto Silva, e ao o Prof. Thomáz Cruz, a quem sucederá.

“O Acadêmico se torna um imortal da Academia e esta imortalidade é justificada porque toda a sua trajetória e história de vida médica fica eternizada numa instituição que tem um enorme prestígio no Brasil, uma vez que foi fundada em 1958, constituída a partir da Escola de Cirurgia da Bahia, e que foi precursora da primeira Faculdade de Medicina do Brasil”, concluiu Andrade.

Rua Baependi, Nº 162
Ondina, Salvador - Bahia
CEP: 40170-070
Tel.: 71 2107-9666
2019. Associação Bahiana de Medicina. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital